Tão Longe Tão Perto


Feliz Saturnália!
25/12/2011, 23:09
Filed under: Feliz Saturnália!

–       Quando você acha que vou nascer?

–       Por que a pergunta, criaturinha?

–       Sensibilidade natalina, talvez. Me lembro do nascimento do bebê mais importante da história ocidental e me dá certa ansiedade pra vir logo ao mundo.

–       Que bobagem, bem antes disso, os romanos já cultuavam Saturno em uma festa pagã estilo vale tudo nesta mesma época do ano. Todo mundo curtia sem culpa, trocava presentes, pedindo ao sol pra ele se manter firme e forte e, assim, proteger as plantações no inverno.

–       Como se todo dia fosse sexta-feira?

–       É, só que por menos de dez dias.

–       Hmmmm, que nem no carnaval. Então vou tentar segurar a ansiedade até fevereiro, aí aumentam muito minhas chances de nascer.

–       Mas você quer mesmo nascer gente? Meio imperfeito demais, não? Por que não nasce amor?

–       Ah, isso morre logo.

–       Mas pode renascer, ué. Cê preferiria ser pedra?

–       Pode renascer… Que otimismo o seu!

–       Deve ser o espírito natalino.

–       Ahá, você acabou de falar que isso é só uma invenção da Igreja!

–       Pensa bem, tanto faz, de qualquer forma, é mais uma tentativa de controlar o incontrolável e gerenciar a esperança de ser feliz.

–       Tá, dá aqui um abraço. Te desejo que nasça muito feliz, sendo inteiro no seu estado de gente imperfeita, pedra dura, água mole ou amor inconstante.

–       Não me venha com ironias, a gente ainda nem existe!

–       Mas a gente pensa.

–       Xi… descartou Descartes…

–       Feliz Natal!

–       Feliz Saturnália!

Anúncios